Estremadura Vinhos Vinhos de Lisboa Wines

CONVERSANDO COM O ENÓLOGO: Engº António Ventura

LOGO ECEAV

LOGO ECEAV

Vou começar por mostrar porventura a face menos visível da produção de vinhos aos consumidores em geral: o enólogo. De referir que qualquer enólogo atualmente conta sempre com o apoio duma vasta equipa enológica, de técnicos, e tudo o que rodeia a viticultura. Formando-se então equipas multidisciplinares.

Um homem de horizontes
Um homem de horizontes

Costumo dizer que neste campo se trabalham 11 meses para 1 mês de vindima. Com a exceção de algumas zonas, 2014 foi ano de pânico em termos de vindima, devido às fortes e implacáveis intempéries que se abateram um pouco por todo o país.

Fazendo provas
Fazendo provas

Nativo da zona, o engº António Ventura já traz a viticultura no sangue. Legado e tradição que vem de família.
É formado em Industrias Agro- Alimentares na E.S.A.S-IPS e licenciado em Agronomia na Universidade de Èvora.

AV1

A enologia foi obtida por especialização há perto de 33 anos na Alemanha, no Instituto de Viticultura e Horticultura, onde se especializou. “Em 1994 obtém na Charles Sturt University (NSW-Austrália) o degree in Applied Science (Winemaking) Em 1995 frequentou e concluiu com aproveitamento uma pós-graduação em Enologia na Escola Superior de Biotecnologia (Universidade Católica Portuguesa)” (Fonte: Parras Vinhos).

AV3

O Engº António Ventura é um homem tremendamente ambientado ao vasto mundo dos vinhos e dos mais ativos, tendo principal ação nas regiões do Alentejo, Lisboa e Tejo, onde presta serviços de consultadoria pela Provintage (winemaking consulting Company), empresa da qual é fundador.

Gere alguns milhares de hectáres de vinha ao todo e é responsável por alguns milhões de garrafas exportadas para todo o Mundo!

Assim, tive toda a honra em manter esta conversa, bebendo muito da sua experiência e profundo conhecimento do tema, o qual transmito aos meus leitores.


ALMOÇO NA QUINTA DO GRADIL

 

O Engº antónio Ventura formulou-me o convite para almoço no imponente Restaurante da Quinta do Gradil, que eu aceitei com todo o gosto.

REST3

Não é todos os dias que um enólogo abre o livro de tudo o que sabe num ambiente descontraído.

Bem haja a toda a equipa da Quinta do Gradil que me recebeu: Além do Engº António Ventura, Engª Vera Moreira, Marta Ramalho, Engº Bruno Gomes e algum staff da receção e diversos elementos que compõem toda esta vasta equipa. O enólogo depende deles!

Deixe o seu comentário