PORTUGAL E O VINHO PORTUGAL VÍNICO Turismo Vinhos Wines

A identidade e alma dos vinhos de Alijó

Socalcos Qta Sta Eugenia 2

A identidade e alma dos vinhos de Alijó

A identidade e alma dos vinhos de Alijó, estão dentro do Património Mundial, o Alto Douro Vinhateiro.

É dos concelhos mais importantes na produção de vinhos do Porto e Douro.

A identidade e alma dos vinhos de Alijó 4
Vales profundos e escarpados

A essência da paisagem em Alijó são os rios que rodeiam, as montanhas e vertiginosos vales profundos.

O Terroir

A identidade e alma dos vinhos de Alijó advém de condições e características muito particulares.

Podemos mesmo designar como o Terroir de Alijó !

Em termos de solos, a norte temos um planalto granítico; a sul o terreno é predominantemente xistoso e de inclinações acentuadas.

A identidade e alma dos vinhos de Alijó 1
Montanhas xistosas e grauvaques

Aqui a cultura de vinha e vinhos é a essência das gentes que aqui habitam.

Além do Douro, estamos rodeados pelos rios Tinhela, Tua e Pinhão.

O clima é continental, com Invernos rigorosos, muito frios e com ocorrência de neve.

No Verão, temos ar extremamente seco, grande insolação e temperaturas acima de 30ºC mesmo em zonas altas.

A identidade e alma dos vinhos de Alijó 2
Valr profundo e vertiginoso sobre o Tua

Tal reflete-se na maturação das uvas e ciclos vegetativos das vinhas.
Castas

Em termos de castas, foge pouco ao tradicional carácter duriense.

Contudo é aqui de onde se plantou no nosso território primeiro a Moscatel Galego.

Casta que tando adoramos em generosos de Moscatel, e atualmente produzem-se maravilhosos vinhos tranquilos da casta.

  • Castas Tintas
    Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Amarela, Tinta Barroca, Tinta Roriz e Tinto Cão.
  • Castas Brancas
    Moscatel Galego, Viosinho, Códega do Larinho e Gouveio.
Cacho Moscatel
Um belo Cacho de Moscatel Galego

Características Organelépticas

  • Vinhos Tintos
Vinho do Porto com 30 anos
Um Vinho do Porto com 30 anos

Dada as elevadas altitudes, exposições N-S e natureza grauvaque dos solos, os tintos são frescos e com acidez presente.

Recomendam-se estágios mais prolongados, onde os vinhos se tornam macios, com taninos sedosos, elegantes, aromas de fruta preta, cacau no caso de estágio em barrica e de finais prolongados e personalizados.

  • Vinhos Brancos
copo branco
Um copo de vinho monovarietal de Moscatel Galego

Os vinhos são muito minerais, de enorme frescura, muito frutados, com notas entre tropicais, cítricas e nuances florais.

Brancos de carácter, leves e de agrado consensual.


Galeria de Imagens

 

mosto e transfega
Mosto e transfega

4 Comentários

  1. Mais um bom ensinamento! Obrigado, Cumprimentos.

    1. Boa noite, Júlio Torres. Mais uma zona que vale a pena ir para ficar e visitar. Paisagem de cortar a respiração. Cumprimentos. Jorge Cipriano

  2. Muito Bom. Excelente descrição dos nectares na sua verdadeira origem, o Douro.

Deixe o seu comentário