2018 2018 Estremadura Gastronomia Notas de Prova Os melhores Rankings Regiões Vinhos Vinhos Brancos Vinhos de Lisboa Wines

Quinta da Romeira Regional Lisboa Arinto Gerwürztramier Intense Branco 2015

apreciacao Quinta da Romeira Regional Lisboa Arinto Gerwürztramier Intense Branco 2015

Quinta da Romeira Regional Lisboa Arinto Gerwürztramier Intense Branco 2015

Foi provado o vinho Quinta da Romeira Regional Lisboa Arinto Gerwürztramier Intense Branco 2015, produzido na Região de Vinhos de Lisboa pela Wine Ventures.

Acompanha um Tornedó Rossini, um prato criado em homenagem ao grande compositor Gioachino Antonio Rossini !


Gioachino Antonio Rossini um bom garfo e bom copo

Gioachino Antonio Rossini
Gioachino Antonio Rossini

Em resumo sobre o seu enorme gosto por comida, como qualquer bom italiano e até português, Rossini adorava bons pratos.

Os tornedós eram a sua perdição e existe um Tornedó Rossini confecionado e idealizado pelo próprio.

Contudo, os mais famosos Tournedó Rossini são um centenário prato francês.

Criado pelo grande chef Marie-Antoine Carême, o “chef dos reis e o rei dos chefs” que viveu entre 1784–1833.

Marie-Antoine Carême
chef Marie-Antoine Carême, criador do conceito de Alta Gastronomia

Foi quem precisamente inventou a “haute cuisine” (alta gastronomia)!

Esse prato, famoso e servido até hoje, foi criado em homenagem ao compositor italiano Gioachino Rossini.

Autor da famosa ópera “O Barbeiro de Sevilha”.

Oiçamos Rossini, um trecho do seu Barbeiro de Sevilha !!!

Assim dizia o compositor:

O estômago é o mestre que dirige o grande orquestra de nossas

paixões.
Comer, amar, cantar e digerir são os quatro atos deste ópera cómica que é a vida.


Vinificação

Como se elaborou este Quinta da Romeira Regional Lisboa Arinto Gerwürztramier Intense Branco 2015 ?

Vindima com uvas selecionadas em mesa de escolha, transportadas em caixas de 20kg.

Feito o “desengace” e sem prensagem, as uvas foram submetidas a uma intensa e longa maceração.

Processo de repisas aplicado, a uma fermentação singular e diferente de todos os outros Vinhos brancos.

Obtém-se aquilo que se designa como Orange Wine.

Ver: O que é um Orange Wine e seus segredos 


Dados Sobre o Vinho

REGIÃO: Lisboa
PRODUTOR: Wine Ventures
CASTAS: Arinto, Gerwürztramier
ÁLCOOL: 12º

Clima: Atlântico com forte alguma influência mediterrânea, visto estar rodeado de montes e vales.
Solo: Argilo-calcário, com declives inclinados para norte e N-NE.
Denominação: Regional Lisboa

Notas de Prova

  • ASPETO: Cor aloirado com tonalidade laranja. Estamos perante um orange wine
  • AROMA: Apresenta notas mentoladas, suave compota, frutos tropicais e alguns balsâmicos.
  • BOCA: Vinho muito complexo, com muita estrutura, sem sentir-se o peso do álcool, muito leve, frutado ligeiro e acidez viva.
  • FINAL: Final de médio comprimento.

Classificação: 85

ficha Quinta da Romeira Regional Lisboa Arinto Gerwürztramier Intense Branco 2015

Temperatura de Serviço: 12ºC


Harmonização (Wine Pairing)

Os orange wine são vinhos multifacetados, subtis e conseguem percorrer um extenso leque gasronómico para harmonizar.

Este nosso Quinta da Romeira Regional Lisboa Arinto Gerwürztramier Intense Branco 2015 é o indicado.

A sua estrutura harmoniza com estilo este prato com a intensidade da carne de vaca, muito temperado e cheio de especiaria.


Tournedos Rossini

Prato preferido de Rossini

Tournedó Rossini

Ingredientes

  • 4 tournedos de filé mignon (200g cada)
  • sal e pimenta do reino
  • 1 cl de sopa de óleo
  • 3 cl de sopa de manteiga
  • 225 g de foie gras fresco cortado em 4 partes iguais
  • 4 cl de sopa mais 2 cl de vinho madeira
  • 2 cebolas em fatias finas
  • 1 chávena de demi-glace ou um caldo de carne reduzido
  • 1 colher de sopa de trufas picadas ou cogumelos frescos.

Preparação

Pré Aqueça o forno a 190.

O Tornedo

Tempere a carne com sal e pimenta e em uma frigideira aqueça 1 colher de sopa de óleo e uma de manteiga.

Quando começar a espumar, frite a carne nos dois lados por aproximadamente 3 minutos e depois de estar bem dourada, transfira para uma assadeira e leve ao forno.

Asse por 7 minutos para mal passada ou 10 minutos para ficar ao ponto.

Qualquer coisa além disso vai estragar o prato.

Segundo Anthony Burdain, se você gosta de carne bem passada não merece comer este prato.

Mas se você quer mesmo a sua carne tostada deixe por 15 minutos e nem um segundo a mais.

Para o Foie

Tempere o foie gras com sal e pimenta do reino.

Aqueça outra panela e quando estiver pelando frite as fatias de foie rapidamente, 45 segundos de cada lado.

Tire da panela e reserve em papel toalha.

Diminua o lume para médio médio e se utilizar cogumelos, refogue na gordura por 3-4 minutos e em seguida junte 2 colheres de vinho madeira e reserve .

Faça o molho e sirva

Elimine a gordura da primeira panela e acrescente 1 cl de sopa de manteiga.

Aqueça em lume médio-alto até espumar e em seguida adicione as cebolas picadas e refogue por 4 minutos.

Acrescente 4 colheres de vinho madeira e o demi-glace (ou um caldo de carne reduzido 1/3 do volume original).

Reduza a metade ou até estar com a consistência para cobrir as costas de uma colher.

Ajuste o sal e a pimenta e peneire sobre uma panela pequena.

Quando a carne estiver no ponto, retire do forno e deixe descansar por 5 minutos.

Finalize o molho juntando os cogumelos (ou as trufas) e mais uma colher de manteiga.


Ouvir “O Barbeiro de Sevilha” e o prato que apresentamos são harmoniosos com este Quinta da Romeira Regional Lisboa Arinto Gerwürztramier Intense Branco 2015 !

Deixe o seu comentário