Compras Dão Vinhos Wines

Vinhos Do Dão Acompanham Pratos Gastronómicos De Macau

dão
dão
SOPA Sopa de Lacassá Casa de Santar Reserva Branco 2013 ENTRADA Camarões Panados Espumante Cabriz Rose PEIXE Chutney de Bacalhau Pedra Cancela Encruzado Malvasia Fina Branco 2012 CARNE Hap-Soun Pedra Cancela Seleção do Enólogo Tinto 2011 SOBREMESA Bagi Espumante Adro da Sé Branco Bruto

 Sopa de Lacassá /Casa de Santar Reserva Branco 2013

Ingredientes:

1 kg de camarões
1 colher de sopa bem cheia de banha
1 colher de sopa bem cheia de balichão
sal q.b.
pimenta q.b.
1 cebola
150 grs de farinha de arroz

Confecção:

Cozem-se os camarões depois de lavados em água temperada com sal cerca de 4 minutos (assim que a água começar a ferver contar 4 minutos).
Depois de cozidos retiram-se do tacho.
Coe a água e reserve.
Descasque os camarões.
Num tacho leve ao lume a banha com a cebola picada e o balichão (ver receita de Balichão) para alourar um pouco a cebola.
Depois junte os camarões para refogar cerca de 2 minutos.
De seguida adicione a água dos camarões e deixe levantar fervura. Depois junte a farinha de arroz desfeita em um pouco de água e deixa-se cozer a farinha, o que leva +- 4 minutos, mexendo de vez em quando.
Sirva imediatamente.

* Esta sopa fica um pouco espessa, mas se gostar um pouco mais rala é só juntar um pouco mais de água.

fonte: Felicia Sampaio – Editora do Roteiro Gastronómico de Portugal

Camarões Panados / Espumante Cabriz Rose

Ingredientes:

1 kg de camarões grandes
2 ovos
1 cebola
farinha q.b.
pão ralado q.b.
óleo q.b.
sal q.b.
pimenta q.b.
Confecção:

Lavam-se os camarões e tira-se a casca, deixando a cauda e a cabeça.
Espeta-se um palito da cauda à cabeça para que ao fritar não se enrolem.
Temperam-se com a cebola muito picadinha, sal e pimenta.
Depois passam-se por farinha, ovos batidos e pão ralado.
Fritam-se em óleo quente.
Servem-se bem quentes.
fonte: Felicia Sampaio – Editora do Roteiro Gastronómico de Portugal

Chutney de Bacalhau / Pedra Cancela Encruzado Malvasia Fina Branco 2012

 

Ingredientes:

2 dl de leite de coco
2 cebolas
400 grs de bacalhau demolhado
75 grs de banha
malagueta q.b.
açafrão q.b.

Confecção:

Coze-se o bacalhau.
Depois de cozido desfia-se e leva-se ao forno durante 10 minutos num pirex.
Entretanto leva-se um tacho ao lume com a banha e a cebola picada até alourar.
Tempera-se com a malagueta e o açafrão.
Junte o bacalhau e deixe refogar um pouco.
Adicione o leite de coco e deixe ferver um pouco para apurar.
Sirva com arroz branco.

fonte: Felicia Sampaio – Editora do Roteiro Gastronómico de Portugal

Hap-Soun / Pedra Cancela Seleção do Enólogo Tinto 2011 

Ingredientes:

1 colher de sopa de fécula de batata
500 grs de carne de pato
sal q.b.
3 colheres de sopa de azeite ou óleo
1 cebola
10 grs de gengibre cortado às falhinhas
3 colheres de sopa de molho de soja
1 dente de alho
1 alface

Confecção:

Depois do pato limpo e lavado, corta-se em bocados muito pequenos. Tempera-se com o gengibre cortado às falhinhas, 1 colher de sopa de óleo, sal e o alho pisado. Fica neste tempero a tomar gosto cerca de 1 hora.
Leva-se o wok (o wok é um tacho largo com fundo côncavo) ao lume com o restante óleo (2 colheres) e a cebola picada a fritar em lume forte, agitando sempre o wok.
Ponha a carne de pato, o molho de soja e a fécula de batata onde desfez em um pouco de água.
Deixa-se cozer agitando sempre o wok cerca de 3 minutos.
Numa travessa colocam-se as folhas de alface bem lavadas e enxutas. Em outra a carne.
Para degustar retira-se um pouco de pato e enrola-se numa folha de alface.

fonte: Felicia Sampaio – Editora do Roteiro Gastronómico de Portugal

 Bagi / Espumante Tesouro da Sé Branco Bruto

Ingredientes:

1 lata de leite condensado
1 litro de leite de coco
300 grs de arroz
80 grs de coco ralado
sal q.b.
60 grs de miolo de amêndoa laminada
250 grs de açúcar

Confecção:

Coze-se muito bem o arroz em bastante água a ferver.
Escorre-se o excesso, quando estiver quase cozido.
Adiciona-se o leite condensado, o açúcar, o coco ralado e o leite de coco.
Deixe ferver mexendo de vez em quando até engrossar.
Retire do lume e acrescente as amêndoas laminadas e levemente torradas.
Sirva em taça ou tacinhas.

fonte: Felicia Sampaio – Editora do Roteiro Gastronómico de Portugal

2 Comentários

Deixe o seu comentário