Vinhos Vinhos de Lisboa Wines

VILA ALDA – O CENTRO DO VINHO DE COLARES

LOGO VILA ALDA
Vila Alda Rua General Alves Roçadas 2,  2710 SINTRA T: 961 330 391 Aberto todos os dias: 10:00 – 13H00 e 14H00 - 18:00
Vila Alda
Rua General Alves Roçadas 2,
2710 SINTRA
T: 961 330 391
Aberto todos os dias: 10:00 – 13H00 e 14H00 – 18:00

A Vila Alda chegou para dar grande impulso ao vinho de Colares. Aqui pode adquirir-se o vinho de Colares e saber também um pouco da sua história.

O edifício é centenário, e é o último ponto do elétrico que chega desde a Praia das Maçãs do seu bucólico percurso.
Além de exposições sempre patentes aqui, podem realizar aqui eventos diversos além dos assuntos relacionados com vinhos, porque na realidade vinho e cultura sempre se misturaram e tiveram alguma coisa a ver.

Na sua vasta obra literária, Eça de Queirós cita o vinho de Colares inúmeras vezes, não só na forma ficcionada, sugerindo mesmo nas suas farpas que durante as sessões da Câmara de Deputados de então se consumiam grandes quantidades do afamado vinho.

Amante e boémio, com os poderes desinibidores capazes de fazerem espoletar o amor, ou, ao invés, bálsamo atenuante para desilusões amorosas, o vinho ocupa na vida e na literatura um lugar proeminente. Eça de Queirós, homem muito dado a petisqueiras – que concorreram, em boa parte, para a sua morte -, escritor que deu particular atenção aos amores tempestuosos, apresenta um vasto cardápio de vinhos ao longo da sua obra. De todos eles, um se destaca: o vinho de Colares.

colares-rotulo
Em Os Maias, as referências ao vinho de Colares multiplicam-se. De salientar o célebre jantar preparado pelo poeta Tomás de Alencar em Sintra, no Lawrence, bem regado com «grandes copos de Colares emborcados de um trago». E porque o vinho aqueceu os ânimos, perante as pálidas figuras de dois ingleses que o olhavam fixamente, o poeta exaltou-se: «– E, se aqueles ingleses continuam a embasbacar para mim, vai-se-lhes um copo na cara, e é aqui um vendaval, que há-de a Grã-Bretanha ficar sabendo o que é um poeta português!…»

A Vila Alda situa-se junto ao Sintra Museu de Arte Moderna e ao Centro Cultural Olga Cadaval.
A estrutura está ainda inserida na Rota dos Vinhos de Bucelas, Carcavelos e Colares.
Merece uma visita atenta e com algum tempo.

Deixe o seu comentário