Bairrada Vinhos Wines

Dia 04 de Outubro: Bairrada mostra monumentalidade e raça dos seus vinhos em prova inédita

No âmbito do 2.º ‘Encontro com o Vinho e Sabores - Bairrada’
•       ‘Os Bairrada que fizeram história - 1985 a 2011’: prova comentada por Luís Ramos Lopes, director da Revista de Vinhos
 
A monumentalidade e raça dos vinhos da Bairrada vai estar “à prova” no ‘Encontro com o Vinho e Sabores - Bairrada 2014’, evento que se realiza de 03 a 05 de Outubro em Sangalhos, Anadia. Em destaque uma prova inédita, a realizar-se no Sábado, dia 04, às 18h00, no Museu do Vinho Bairrada: são treze os escolhidos de entre os melhores vinhos feitos na região, entre as colheitas de 1985 e 2011. Néctares com história e estórias para contar, que vão surpreender pela sua autenticidade, carácter e identidade; e, no caso dos mais antigos, pela longevidade.
 No âmbito do 2.º ‘Encontro com o Vinho e Sabores - Bairrada’ •       ‘Os Bairrada que fizeram história - 1985 a 2011’: prova comentada por Luís Ramos Lopes, director da Revista de Vinhos   A monumentalidade e raça dos vinhos da Bairrada vai estar “à prova” no ‘Encontro com o Vinho e Sabores - Bairrada 2014’, evento que se realiza de 03 a 05 de Outubro em Sangalhos, Anadia. Em destaque uma prova inédita, a realizar-se no Sábado, dia 04, às 18h00, no Museu do Vinho Bairrada: são treze os escolhidos de entre os melhores vinhos feitos na região, entre as colheitas de 1985 e 2011. Néctares com história e estórias para contar, que vão surpreender pela sua autenticidade, carácter e identidade; e, no caso dos mais antigos, pela longevidade.
No âmbito do 2.º ‘Encontro com o Vinho e Sabores – Bairrada’
 ‘Os Bairrada que fizeram história – 1985 a 2011’: prova comentada por Luís Ramos Lopes, director da Revista de Vinhos
A monumentalidade e raça dos vinhos da Bairrada vai estar “à prova” no ‘Encontro com o Vinho e Sabores – Bairrada 2014’, evento que se realiza de 03 a 05 de Outubro em Sangalhos, Anadia. Em destaque uma prova inédita, a realizar-se no Sábado, dia 04, às 18h00, no Museu do Vinho Bairrada: são treze os escolhidos de entre os melhores vinhos feitos na região, entre as colheitas de 1985 e 2011. Néctares com história e estórias para contar, que vão surpreender pela sua autenticidade, carácter e identidade; e, no caso dos mais antigos, pela longevidade.

 

A prova “Os Bairrada que fizeram história - 1985 a 2011” vai ser comentada pelo crítico e director da Revista de Vinhos, Luís Ramos Lopes, que selecionou um conjunto de vinhos raros e grandiosos, como os brancos ‘Frei João 1988’ e ‘Campolargo 2011’ (distinguido recentemente como o melhor branco no International Wine Challenge), ou os tintos ‘Sidónio de Sousa 1985’, ‘Casa de Saima Garrafeira 1990’, ‘Quinta das Bágeiras Garrafeira 1995’ e ‘Quinta do Ribeirinho Pé Franco 2011’, entre muitos outros de idêntico gabarito. Uma mostra de vinhos complexos – declaradamente com perfil fresco, equilibrado e elegante – e muito prazerosos, sobretudo à mesa, onde revelam elevado potencial gastronómico.
A prova “Os Bairrada que fizeram história – 1985 a 2011” vai ser comentada pelo crítico e director da Revista de Vinhos, Luís Ramos Lopes, que selecionou um conjunto de vinhos raros e grandiosos, como os brancos ‘Frei João 1988’ e ‘Campolargo 2011’ (distinguido recentemente como o melhor branco no International Wine Challenge), ou os tintos ‘Sidónio de Sousa 1985’, ‘Casa de Saima Garrafeira 1990’, ‘Quinta das Bágeiras Garrafeira 1995’ e ‘Quinta do Ribeirinho Pé Franco 2011’, entre muitos outros de idêntico gabarito. Uma mostra de vinhos complexos – declaradamente com perfil fresco, equilibrado e elegante – e muito prazerosos, sobretudo à mesa, onde revelam elevado potencial gastronómico.

As uvas que dão origem aos vinhos (DO) Bairrada provêm de terrenos de argila, calcário e areia. A proximidade do mar oferece-lhes um clima Atlântico, com temperaturas moderadas, e as suaves colinas que caracterizam a região possibilitam diferentes tipos de exposição solar. Um blend perfeito para vinhos com um estilo muito próprio, uma personalidade fresca, vivaz e consistente. Os especialistas dizem que “beber um Bairrada é como colocar uma pedra de calcário na boca, tal é a frescura deixada por este vinho”.

‘Encontro com o Vinho e Sabores - Bairrada 2014’ reúne mais de 50 produtores  No que toca aos produtores, e embora as inscrições ainda estejam abertas, o número da primeira edição já foi superado: neste momento são cinquenta os representantes dos melhores vinhos e sabores com lugar marcado no ‘Encontro com o Vinho e Sabores - Bairrada 2014’, evento de promoção conjunta que tem como objectivo potenciar as fileiras da vinha, do vinho, da gastronomia e do turismo da região da grande Bairrada.
‘Encontro com o Vinho e Sabores – Bairrada 2014’ reúne mais de 50 produtores
No que toca aos produtores, e embora as inscrições ainda estejam abertas, o número da primeira edição já foi superado: neste momento são cinquenta os representantes dos melhores vinhos e sabores com lugar marcado no ‘Encontro com o Vinho e Sabores – Bairrada 2014’, evento de promoção conjunta que tem como objectivo potenciar as fileiras da vinha, do vinho, da gastronomia e do turismo da região da grande Bairrada.
Para além da prova acima referida, estão agendadas outras duas, uma de espumantes e outra com brancos e tintos de excelência, orientadas, respectivamente, pelos críticos da Revista de Vinhos João Paulo Martins e Nuno Oliveira Garcia. A qualidade da região vai mostrar-se também à mesa, com dois jantares temáticos, harmonizados, é claro, com vinhos e espumantes da Bairrada e comentada pelo crítico gastronómico Fernando Melo. A abrir as hostes, o primeiro jantar é dedicado aos ‘Sabores do Mar’ e é da autoria d’O Rei dos Leitões (eleito pela Revista de Vinhos como o Melhor Restaurante de Cozinha Tradicional em 2013), embora servido no restaurante do Velódromo de Sangalhos. No mesmo espaço, mas no dia seguinte, é a vez do restaurante Mugasa dar cartas nos ‘Sabores da Terra’; o famoso e delicioso leitão da Bairrada não vai faltar!
Para além da prova acima referida, estão agendadas outras duas, uma de espumantes e outra com brancos e tintos de excelência, orientadas, respectivamente, pelos críticos da Revista de Vinhos João Paulo Martins e Nuno Oliveira Garcia. A qualidade da região vai mostrar-se também à mesa, com dois jantares temáticos, harmonizados, é claro, com vinhos e espumantes da Bairrada e comentada pelo crítico gastronómico Fernando Melo. A abrir as hostes, o primeiro jantar é dedicado aos ‘Sabores do Mar’ e é da autoria d’O Rei dos Leitões (eleito pela Revista de Vinhos como o Melhor Restaurante de Cozinha Tradicional em 2013), embora servido no restaurante do Velódromo de Sangalhos. No mesmo espaço, mas no dia seguinte, é a vez do restaurante Mugasa dar cartas nos ‘Sabores da Terra’; o famoso e delicioso leitão da Bairrada não vai faltar!

 

Em paralelo ao evento, vai ter lugar a 4.ª edição do ‘Concurso de Vinhos e Espumantes Bairrada’, que vai distinguir, entre outras categorias, o Melhor Espumante de Baga, a casta bandeira da região, que se destaca pela originalidade e versatilidade para produzir grandes vinhos tintos e frescos espumantes brancos e rosés. Os resultados vão ser conhecidos no dia de abertura do ‘Encontro com o Vinhos e Sabores – Bairrada 2014’ e os prémios entregues pela Ministra da Agricultura e do Mar, Assunção Cristas, às 19h30.

Deixe o seu comentário