2017 2017 2017 Notas de Prova Os melhores Rankings Regiões Vinhos Vinhos Brancos Wines

Espumante Alvarinho QM Velha Reserva 2011

apreciacao-espumante-alvarinho-qm-velha-reserva-2015

Foi provado o vinho Espumante Alvarinho QM Velha Reserva 2011, da Região de Vinhos Vedrdes, produzido pela Quintas de Melgaço.


Dados Sobre o Vinho

REGIÃO: Vinhos Verdes
PRODUTOR: Quintas de Melgaço
CASTAS: Alvarinho
ÁLCOOL: 12,0%

Clima: Clima Atlântico.
Solo: Granítico
Denominação: DOC Vinhos Verdes

Notas de Prova

  • ASPETO: Amarelo cítrico ligeiramente dourado.
  • AROMA: Apresenta notas florais, tropicais, papaia, alguma baunilha e boa mineralidade.
  • BOCA: Bolha fina, alguma mousse na boca, estruturado e com algum toque sofisticado.
  • FINAL: Final de médio.

Classificação: 84

ficha-apreciacao-espumante-alvarinho-qm-velha-reserva-2015

Temperatura de Serviço: 9ºC


Harmonização (wine pairing)

Um vinho espumante com esta acidez e alguma complexidade requer um prato especiado, simples mas com alguma estrutura.

Caril de gambas

Chefe Hélio Loureiro

Ingredientes:

  • 600 g Gambas
  • 1 dl Azeite Valle Madruga
  • 2 Tomates
  • 2 Cebola(s)
  • 1 Maçã
  • 1 Banana
  • 2 dl Leite de côco
  • 2 colher(es) de chá Pasta de caril
  • 1 colher(es) de chá Gengibre
  • 1 colher(es) de café Raspa de Lima verde
  • 1 colher(es) de café Cardamomo
  • 1 colher(es) de café Cominhos
  • 1/2 colher(es) de café Canela
  • 1 colher(es) de café Pimenta rosa
  • 1 colher(es) de café Pimenta preta
  • Sal Marinho Rui Simeão

Modo de Preparação:

1º Leve ao lume um tacho com o azeite, a cebola e os alhos picados e deixe alourar.

2º Adicione o tomate picado, acrescente a pasta de caril e todas as especiarias na lista de ingredientes bem como o leite de côco, as natas e as raspas de lima verde.
(alertamos que caso não tenha todas as especiarias o prato poderá não ficar com o sabor genuíno).

3º Deixe refogar um pouco e acrescente a maçã e a banana cortada em fatias finas.

(a utilização da banana é opcional)

Caril de Gambas – Versão de Impressão


 

 

Deixe o seu comentário