Vinhos Wines

Como Se Produz Vinho – Vindima, Vinificação de Vinho Tinto e Vinho Branco, Fermentação Alcoólica

vindimas no douro - painel azulejos na estação do pocinho

Vindima

Quando a vindima começa devem assegurar-se as melhores condições de transporte das uvas para a adega.

Devem fazer-se os possíveis para que as uvas cheguem inteiras e não amassadas ou calcadas que, nas condições de calor em que a vindima ocorre, tal poderia significar o início precoce de fermentação.

Vinificação de vinho tinto

Uma vez chegadas à adega, as uvas são conduzidas para um desengaçador/esmagador, podendo ou não ser previamente esmagadas.

fluxograma processo vinho tinto

O vinho tinto é um vinho de maceração (curtimenta), em que a fermentação alcoólica dos mostos, deverá ser sempre feita em presença das partes sólidas (películas, grainhas, e eventualmente os engaços) para assim ocorrer a dissolução no mosto da matéria corante, taninos e compostos aromáticos, contidos nas referidas partes sólidas, e em particular nas películas.

vinificacaoTinto

Nestas condições, os vinhos ficam com uma estrutura melhorada, uma maior intensidade corante, um índice de polifenóis mais elevado e uma componente aromática mais intensa, criando-se deste modo, melhores condições de conservação e melhorando a qualidade final do vinho.

vi v tinto

De todas as partes sólidas, os engaços são os menos desejáveis pelo elevado teor em taninos, pelo que, hoje em dia, em grande número de adegas se procede ao desengace.

vin v tinto2

Vinificação em vinho branco

A vinificação do vinho branco, contrariamente ao processo usado para o vinho tinto, baseia-se na fermentação do mosto separado do engaço e das películas, processo conhecido por “bica-aberta”.

fluxograma processo vinho branco

Quando as uvas chegam à adega, deve efetuar-se de imediato o esmagamento, recorrendo-se vulgarmente ao esmagador de rolos, regulado de forma a não dilacerar os engaços, nem esmagar as grainhas, ou então, serem colocadas diretamente na prensa no caso de se dispor de prensa horizontal de repisa automática ou prensa pneumática. Seguidamente, o mosto é submetido a uma decantação estática.

esquemas_branco

Depois de «defecar» (decantação estática), ou seja, de deixar sedimentar as substâncias sólidas mais pesadas, o mosto dos vinhos brancos é trasfegado para um novo recipiente onde vai fermentar.

Fermentação Alcoólica

ferment alcoolica

A fermentação alcoólica é o processo químico de transformação dos açúcares em álcool.

Este processo é desencadeado pelas leveduras, sendo por vezes necessário adicioná-las para que o processo se inicie.

Para o arranque da fermentação, tanto se pode recorrer a leveduras selecionadas ou simplesmente deixar que a fermentação arranque naturalmente, com as leveduras autóctones presentes na pruína.

3 Comentários

  1. Sou um micro produtor da região do Cartaxo, mas um apaixonado pelo fabrico do vinho…No branco, mais concretamente, gostaria que me informasse, quantas vezes devo passar, o mesmo, após a colagem e, se devo ou não adicionar acido cítrico. Um abraço.

  2. sou um pequenino produtor de vinho na zona de viseu e ha uma faze ja depois do vinho ter a estrafega perde qualidades e sabores talvez por tirar vinho ao copo da cuba nao sei
    adorei ler vossa pagina
    jose carlos

    1. É muito importante para o Clube de Vinhos Portugueses que os seus artigos informam e agradam aos seus leitores. Cumprimentos. Jorge Cipriano

Deixe o seu comentário