Beira Interior Produtores Turismo Vinhos Wines

ADEGA COOPERATIVA DA COVILHÃ

424019_lo_01Adega Cooperativa da Covilhã, CRL
Quinta das Poldras
6200-165 Covilhã

Telefone: + 351 275 330 750
Fax: + 351 275 330 757/9

E-mail:
Geral:  info@adegacovilha.pt
Dep. Comercial:  comercial@adegacovilha.pt

 

A Adega Cooperativa da Covilhã é das mais carismáticas e emblemáticas no panorama vitivinícola do país.

ac covilha2

Infelizmente continua-se a não dar a devida atenção a uma região e DOC que até produz vinhos bastante interessantes, inclusivamente com prémios internacionais e porventura mais apreciados além-fronteiras que entremuros.

ac covilha

Do meu ponto de vista a melhor estruturada e de melhores vinhos em Portugal! Vale a pena provar.

ac covilha3

 

Do meu ponto de vista estão ao nível dos melhores das regiões mais faladas de Portugal e até alguns de qualidade superior.

ac covilha4

 

A respeito desta adega muito mais haveria a dizer, sendo que os principais objetivos deste artigo além de voltar a dar ênfase a vinhos da Beira Interior é o de atualizar toda a informação referente a esta adega, que já teve referência há cerca de 4 anos atrás.

fb_529672_420328144716333_667011883_n

 

 

A cultura da vinha e produção de vinho têm raízes ancestrais na região. Em documentos como o foral da Covilhã aparecem referências ao vinho. Neste foral de D. Sancho I, e datado de 1224, aponta-se a portagem devida à carga de vinho trazida ao mercado de “de carga de pão e vinho de três medalhas”. Um outro documento do mesmo século – a carta de foro do Prior de Stª Cruz de Coimbra dada a Sieiro Esteves e sua mulher, referente a herdades no termo da Covilhã se refere “naquelas vinhas que já estão plantadas pagar-nos-eis a metade, das vinhas que aí plantardes a quarta parte”.

vinhos_adega_covilha novo

 

Adega Cooperativa da Covilhã foi fundada em 1954, com 147 associados, tendo efectuada a sua 1ª vindima em 1957 e tendo sido a data da sua constituição em 24 de Fevereiro de 1954. Durante os primeiros anos da sua existência aAdega Cooperativa da Covilhã esteve mais vocacionada para a venda de vinho a granel, tendo a partir da década de 70 sido adquirido um sistema de enchimento semi-automático.

fb_529203_420357538046727_816378634_n

 

Com a entrada de Portugal na CEE, também a Adega Cooperativa da Covilhã iniciou um processo de modernização que ainda perdura. No final da década de 80, a Adega Cooperativa da Covilhã já comercializava três marcas de vinhos. No final da década de 90 executou um projecto de investimento para melhoria das condições de recepção e de vinificação, tendo no ano 2000 recebido o Prémio da Adega Cooperativa do Ano.

fb_198199_106961892719628_1562251_n

 

Hoje a Adega da Covilhã tem cerca de 400 associados no activo, com uma área social e geográfica que ultrapassa amplamente os limites do concelho da Covilhã estendendo a sua influência também aos concelhos de Belmonte e Manteigas, assim como a algumas freguesias do Concelho da Guarda e do Sabugal. O potencial médio de produção anual da Adega da Covilhã é cerca de 4 000 000 de litros de vinho, tendo diversas marcas distribuídas por Vinho de Mesa e Vinho DOC Beira Interior.

PORTFÓLIO

 

 

Graças às condições edafo-climáticas únicas da região, principalmente as grandes amplitudes térmicas que se verificam entre os invernos agrestes com frio e neve e os verões quentes e secos em que se atingem elevadas temperaturas durante o dia e temperaturas relativamente baixas durante a noite, conferem-lhe uma tipicidade aos seus vinhos, nomeadamente uma boa acidez que nos brancos lhes proporciona uma frescura natural e que associada ás castas autóctones os distingue. Nos tintos essa mesma acidez proporciona-lhes uma grande longevidade, permitindo uma boa evolução nos vinhos estagiados em madeira, dando grandes reservas, próprias para acompanhar a rica gastronomia da região.

Produz vinhos tintos, brancos e roses, vinhos tranquilos e espumantes, assim como vinhos licorosos e aguardentes envelhecidas, sendo as suas marcas comerciais: Pedra do UrsoConde JuliãoPiornosMonte SerranoColheita de Sócio e os vinhos KOSHER Terras de Belmonte nos vinhos tranquilos, Cova Juliana nos espumantes, Adega Nova nos licorosos, jeropiga e abafado e Centum Cellas na aguardente velha. (Fonte: página da A.C. Covilhã)

 

 

4 Comentários

Deixe o seu comentário