Vinhos Wines

VINHOS DE PORTUGAL EM PROMOÇÃO PELO BRASIL – 2016

A excelência dos vinhos portugueses em destaque de Norte a Sul do Brasil.
De Abril a Setembro várias ações serão realizadas para a promoção dos vinhos portugueses no mercado brasileiro. O Roadshow engloba diversas iniciativas como provas, degustações e formações que terão lugar de Norte a Sul do país, em cidades tão distintas como Rio de Janeiro, Curitiba, Florianópolis, Salvador, Maceió, Recife, Fortaleza, São Paulo e Porto Alegre.
A excelência dos vinhos portugueses em destaque de Norte a Sul do Brasil. De Abril a Setembro várias ações serão realizadas para a promoção dos vinhos portugueses no mercado brasileiro. O Roadshow engloba diversas iniciativas como provas, degustações e formações que terão lugar de Norte a Sul do país, em cidades tão distintas como Rio de Janeiro, Curitiba, Florianópolis, Salvador, Maceió, Recife, Fortaleza, São Paulo e Porto Alegre.
A excelência dos vinhos portugueses em destaque de Norte a Sul do Brasil.
De Abril a Setembro várias ações serão realizadas para a promoção dos vinhos portugueses no mercado brasileiro. O Roadshow engloba diversas iniciativas como provas, degustações e formações que terão lugar de Norte a Sul do país, em cidades tão distintas como Rio de Janeiro, Curitiba, Florianópolis, Salvador, Maceió, Recife, Fortaleza, São Paulo e Porto Alegre.

Brasil 1

As degustações dos Vinhos de Portugal apresentam este ano a novidade de serem abertas ao público consumidor, com entrada paga, para além de estarem acessíveis aos profissionais do setor e imprensa especializada. Têm inicio no Sul, região que possui a maior tradição de vinho do país no dia 11 de Abril em Curitiba, com 21 produtores nacionais, dia 13 de Abril, em Porto Alegre, com 15 produtores e no dia 15 de Abril, em Florianópolis, 21 produtores apresentam a qualidade do vinho nacional das diferentes regiões. Brasília acolherá a ultima Degustação dos Vinhos de Portugal no dia 18 de Maio.

14504383371799
O Roadshow de promoção dos Vinhos de Portugal pelo Brasil engloba ainda uma forte aposta pedagógica através de formações, que começam também neste mês. Depois do Rio de Janeiro, será a vez de Belo Horizonte receber a Formação para Restauração e Comércio Especializado, nível III, no dia 27 de Abril, no Centro Culinário Eduardo Maya.

Centro Culinário Eduardo Maya3
Em Abril também estão agendadas formação parcerias com Escolas. A primeira das três parcerias será organizada no 28 de Abril, no Centro Culinário Eduardo Maya, em Belo Horizonte.

MERCADO: Continua a ser um dos principais mercados para os vinhos portugueses, pois tem vindo a apresentar uma elevada taxa de crescimento das exportações, próxima dos 19%, traduzindo um crescimento de 20 para 24 milhões de 2010 e 2011.  Os vinhos portugueses conseguiram um posicionamento alto no mercado brasileiro e Portugal está no grupo dos cinco fornecedores de vinho do Brasil. Além disso, o vinho português tem um preço médio alto e uma elevada conotação positiva neste mercado. É o segundo mercado de promoção dos vinhos portugueses após os EUA.
MERCADO: Continua a ser um dos principais mercados para os vinhos portugueses, pois tem vindo a apresentar uma elevada taxa de crescimento das exportações, próxima dos 19%, traduzindo um crescimento de 20 para 24 milhões de 2010 e 2011.
Os vinhos portugueses conseguiram um posicionamento alto no mercado brasileiro e Portugal está no grupo dos cinco fornecedores de vinho do Brasil. Além disso, o vinho português tem um preço médio alto e uma elevada conotação positiva neste mercado. É o segundo mercado de promoção dos vinhos portugueses após os EUA.

O elevado potencial gastronómico dos vinhos nacionais também estará em foco, através da desmonstração da incrível capacidade de harmonização com diferentes pratos, que associada à sua longa história e tradição, imprimem importantes características, resultando no reconhecido internacional num mercado amplamente competitivo.

Jorge Monteiro, presidente da ViniPortugal, destaca “Embora o Brasil passe por um período de alguma incerteza quanto ao futuro da sua economia, acreditamos por um lado que será passageira e, por outro lado, julgamos que devemos tirar partido destes momentos, para reforçar a posição e a imagem dos Vinhos de Portugal, quando provavelmente outros países concorrentes nossos podem estar a refrear os investimentos promocionais. Havendo uma incerteza quanto ao futuro não podemos deixar de investir na nossa imagem neste importante mercado”.
Jorge Monteiro, presidente da ViniPortugal, destaca “Embora o Brasil passe por um período de alguma incerteza quanto ao futuro da sua economia, acreditamos por um lado que será passageira e, por outro lado, julgamos que devemos tirar partido destes momentos, para reforçar a posição e a imagem dos Vinhos de Portugal, quando provavelmente outros países concorrentes nossos podem estar a refrear os investimentos promocionais. Havendo uma incerteza quanto ao futuro não podemos deixar de investir na nossa imagem neste importante mercado”.

 

 

Deixe o seu comentário