Alentejo Notas de Prova Os melhores Os Melhores Vinhos Brancos Rankings Regiões Vinhos Wines

Pontual Regional Alentejano Branco 2017

apreciacao Pontual Regional Alentejano Branco 2017

Pontual Regional Alentejano Branco 2017

Foi provado o vinho Pontual Regional Alentejano Branco 2017, produzido na região de Vinhos do Alentejo pela Pontual Wines, na sub-região de Reguengos.

Acompanha Carapaus no Forno, um prato típico de Alcains na Beira Baixa.


Vinificação

Desengace total, decantação entre os 7º e os 10ºC seguido de vinificação em Inox a temperatura controlada entre os 13º e os 15ºC.


Dados Sobre o Vinho

Região: Alentejo
Produtor: Pontual Wines
Castas: Arinto e verdelho
Álcool: 12,5º

Solo: Xistoso
Clima: Clima mediterrânico seco com amplitudes térmicas relativamente reduzidas e baixa pluviosidade.
Denominação: Regional Alentejano

Notas de Prova

  • Aspeto: Côr amarelo palha
  • Aroma: Apresenta notas cítricas, vegetais e ligeira mineralidade.
  • Boca: Vinho muito vivo, leve, excelente acidez, frescura e bastante frutado.
  • Final: Termina com média-longa persistência.

Classificação: 87

ficha Pontual Regional Alentejano Branco 2017

Temperatura de Serviço: 9ºC


Harmonização (Wine Pairing)

Temos um prato de peixe enriquecido com bom azeite da Beira Baixa, que leva a acidez do tomate e alguma doçura do colorau.

Combina bem com este Pontual Regional Alentejano Branco 2017, um vinho cítrico, com acidez, frutado e alguma complexidade.


Carapaus no Forno (Alcains)

Carapaus no Forno 2

Ingredientes (Para 4 pessoas)

  • 1 kg de carapaus ;
  • 2 colheres de sopa de farinha ;
  • 1 dl de azeite;
  • 1 tomate maduro ;
  • 3 dentes de alho ;
  • 1 folha de louro ;
  • 1 cebola ;
  • sal Marinho;
  • pimenta ;
  • colorau

Preparação

Tiram-se as cabeças e arranjam-se os carapaus.

Temperam-se com umas pedrinhas de sal.

Passam-se os carapaus por farinha, sacodem e dispõem-se no tabuleiro onde já se deitou o azeite.

Espalha-se sobre o peixe a cebola cortada em rodelas finíssimas e rega-se tudo com um preparado feito à parte.

Prepare misturando o tomate cru (sem pele e sem sementes) esmagado com as mãos, os alhos picados, o louro cortado em bocadinhos, sal, pimenta e colorau.

Junta-se ainda um pouco de água e leva-se ao forno até estar bem cozido.

Curiosidade

Até há bem pouco tempo era bastante difícil encontrar peixe na Beira Baixa.

Chegava ali em caixas de folha especialmente concebidas para o efeito, de que se mostra um exemplar.

Deixe o seu comentário