Vinhos

VINHOS ‘FORA DA SÉRIE’ MOSTRAM O LADO MAIS CRIATIVO DA POÇAS

vinhos-poças

De carácter experimental, e em edições limitadas, os vinhos desenvolvidos pelo enólogo André Barbosa revelam o lado mais inovador do produtor do Douro, que tem como ponto de partida a reinvenção de técnicas e histórias do passado, a diversidade do terroir e a procura curiosa por resultados surpreendentes.

A Poças acaba de apresentar os mais recentes vinhos ‘Fora da Série’: três novos lançamentos – Fora da Série Lagar das Quartas 2021, Fora da Série Plano B 2021 e Fora da Série Nativo 2020 – e três novas colheitas – Fora da Série Acrobata 2021, Fora da Série Orange 2021 e Fora da Série Vinho da Roga 2020. Estas são as novas apostas deste projeto ousado, que a partir de experiências da equipa de enologia da Poças, tem vindo a desafiar os mais curiosos. Com edições limitadas, os ‘Fora da Série’ são o reflexo da tradição, história, diversidade do Douro e espírito inovador da Poças.

 

“Há uns anos, a equipa de enologia da Poças começou a fazer algumas experiências mais ‘fora da caixa’ e a partilhá-las com a família e com os amigos, e em 2019 decidimos engarrafá-las e apresentar ao público estes vinhos inovadores e mais ousados: os Fora da Série. Este é um projeto criativo e irreverente, do qual nos orgulhamos muito, e que tem um carácter experimental, sendo sempre apresentado em edições limitadas. Estes vinhos têm vindo a ganhar cada vez mais relevo, o que tem sido mais um desafio para toda a equipa de enologia, e para a Poças em geral”, refere Pedro Poças Pintão, CEO da Poças. “Os novos ‘Fora da Série’ que acabámos de apresentar contam as suas próprias histórias e desafiam, desde os mais entendidos aos mais curiosos, a fazerem parte desta nossa aventura, em que gostamos de brincar com os sentidos e surpreender com as harmonizações, com combinações por vezes improváveis, mas com resultados muito interessantes. Este tem sido o propósito deste projeto: experimentar, inovar e, sempre que possível, surpreender!”, acrescenta André Barbosa, o enólogo.

 

No leque dos novos lançamentos dos Fora da Série encontramos o Poças Fora da Série Lagar das Quartas 2021 (PVPR 20€), que promete surpreender os amantes de vinho. Este DOC Douro foi produzido a partir de uma parcela de co-plantação (uvas tintas e brancas) da Quinta das Quartas, no Baixo Corgo, uma das três propriedades da Poças na região do Douro. Com um tom rubi, apresenta um perfil frutado, fresco e envolvente, ideal para acompanhar, por exemplo, com perdiz de escabeche. Segundo Pedro Pintão, este é “um dos perfis do futuro Douro”.

 

Produzido a partir de um blend de Gouveio e Rabigato do Douro Superior, o Poças Fora da Série Plano B 2021 (PVPR 20€) é outra das grandes novidades da produtora de Vinho do Porto e Douro que chegaram agora ao mercado. A história por detrás do nome do vinho é curiosa: a equipa da Poças tinha como plano fazer um vinho com a casta Rabigato, o que acabou por não resultar como pretendido, pelo que decidiram avançar com um plano alternativo, com uma combinação das castas Rabigato e Gouveio, e daqui surgiu o nome, Plano B.

 

A par destes vinhos, o produtor apresenta ainda o Poças Fora da Série Nativo branco 2020 (PVPR 20€). Produzido a partir da casta Moscatel, é perfeito para acompanhar um crumble de maçã, por exemplo. Apresenta um perfil complexo, sendo o vinho mais arrojado destes novos lançamentos da Poças. Com aromas a fruto amarelo, ligeiro vegetal e nuances salínicas, este DOC Douro é surpreendente para quem o prova, por brincar com o palato e com os sentidos.

 

Além destas três novidades, a Poças apresenta ainda novas colheitas, como é o caso do Poças Fora da Série Acrobata 2021 (PVPR 28€), produzido a partir das castas Códega, Arinto e Rabigato. Ideal para acompanhar queijos gordos ou curados, peixe fumado e cogumelos, entre outras propostas gastronómicas, o seu nome deve-se às acrobacias feitas durante os processos para criar este vinho. O desafio foi preservar um pouco de flor, mantendo simultaneamente o perfil aromático do Arinto. O Poças Fora da Série Orange 2021 (PVPR 20€) tem também uma nova colheita. Com um tom amarelo dourado, que o diferencia, este vinho branco de curtimenta foi produzido a partir das castas Arinto e Códega. Fresco e aromático, apresenta uma fruta pronunciada e bom volume de boca. Um estilo mais leve e mineral que o torna distintivo.

 

A Poças lançou também uma nova colheita do Poças Fora da Série Vinho da Roga 2020 (PVPR 20€). Este vinho tinto gastronómico de verão é bastante versátil e foi concebido com castas tintas tradicionais durienses (Touriga Nacional, Touriga Franca e Tinta Roriz). Apresenta um perfil fresco, com notas de groselha e cereja, e nasceu de um desafio lançado ao enólogo André Barbosa: criar um vinho para a roga (equipa de vindimadores) da Poças. Este é um vinho leve, distinto, que honra a história e a alma das rogas da região. 

 

Estes novos lançamentos ‘Fora da Série’ e as novas colheitas apresentadas, bem como outros vinhos da vasta gama do produtor, podem ser provados – e harmonizados – no Centro de Visitas da Poças, em Vila Nova de Gaia, que atualmente se encontra de portas abertas de quarta-feira a domingo, das 10h00 às 19h00, e que apresenta uma nova proposta gastronómica, com consultoria do chef Pedro Braga, disponível de sexta-feira a domingo das 10h00 às 19h00 (a reserva não é obrigatória, mas é recomendada). Disponíveis em garrafeiras em todo o país, a Poças tem também a sua loja online onde é possível comprar diretamente a produtor

Deixe o seu comentário