Estremadura

PRATOS TÍPICOS DA ESTREMADURA – Sopa de Entulho, Pargo no Forno, Peixinhos da Horta e Coelho à Caçador

Sopa de Entulho

DSCF6379

Ingredientes:
Para 6 pessoas

* 5 dl de feijão manteiga (ou de feijão encarnado) ;
* 1 cebola ;
* 2 cravinhos ;
* 1 colher de sopa de azeite ;
* 1 osso de presunto ou ossos de porco salgados (facultativos) ;
* 2 nabos ;
* 3 cenouras ;
* 3 batatas médias ;
* 1 talhada de abóbora ;
* meia couve lombarda ;
* vinagre ;
* sal

Confecção:

De véspera põe-se o feijão de molho em água fria. Introduz-se o feijão em água fria abundante e leva-se a cozer com a cebola descascada e espetada com os cravinhos, o azeite e o osso de presunto ou os ossos de porco.
Estando o feijão cozido, introduzem-se na panela os nabos descascados e cortados em cubos pequenos, as cenouras em rodelas finas e a abóbora em cubos grandes. Assim que as cenouras estiverem macias, juntam-se as batatas descascadas e cortadas em quadradinhos, a rama fresca do nabo ripada e a couve cortada em tiras largas.
Deixa-se cozer tudo e apurar. Rectifica-se o tempero, junta-se sal, se for necessário.
Come-se deitando em cada prato 1 colher de café de vinagre.

Utilizando o osso de presunto, deve separar-se e desfiar-se a carne, cortar a gordura em bocadinhos e voltar a introduzir na sopa. Não utilizando o osso de presunto, junta-se um bocado de toucinho entremeado (125 g aprox.) ou mais 3 colheres de sopa de azeite. Há quem goste de comer esta sopa condimentada com umas gotas de piripiri.

Pargo no Forno

DSCN5534

Ingredientes:
Para 4 pessoas

* 1 pargo de 1 kg ;
* 1,5 dl de azeite ;
* 1 colher de sopa de margarina ;
* 750 g de batatas pequenas ;
* 2 cebolas grandes ;
* 2 dentes de alho ;
* 300 g de tomate ;
* 4 tiras de toucinho fresco ;
* 1 colher de sobremesa de colorau ;
* vinho branco ;
* sal ;
* pimenta

Confecção:

Num tabuleiro de ir ao forno e à mesa deita-se o azeite e as cebolas cortadas ás rodelas.
Sobre as cebolas coloca-se o pargo já devidamente arranjado, dando-lhe quatro golpes profundos.
Numa tigela deitam-se os alhos picados, o colorau, o tomate sem pele e sem grainhas, a margarina, salsa e pimenta. Mistura-se bem para fazer uma massa e barra-se o pargo interior e exteriormente com o preparado. Introduzem-se as tiras de toucinho nos golpes que se deram no peixe. À volta do peixe colocam-se as batatinhas previamente polvilhadas com sal e colorau. Leva-se a assar em forno quente, regando o peixe de vez em quando com o molho que se vai formando e com o vinho branco.

Peixinhos da Horta

2688862365_74a341c847

Ingredientes:
Para 4 pessoas

* 500 g de feijão verde ;
* Para o polme:
* 100 g farinha ;
* 1 ovo ;
* 1 colher de sopa de cebola picada ;
* sal ;
* pimenta

Confecção:

Retiram-se as pontas e os fios ao feijão verde e coze-se em água temperada com sal.
Deita-se a farinha num recipiente e dissolve-se com água suficiente para obter um polme nem muito líquido nem muito espesso.
Adiciona-se o ovo e a cebola muito bem picada e tempera-se com sal e pimenta.
Passam-se as vagens de feijão, duas a duas, pelo polme e fritam-se em óleo bem quente, até estarem douradas. Escorrem-se sobre papel absorvente.

Coelho à Caçador

pinhel_gastronomia

Ingredientes:
Para 4 pessoas

* 1 coelho ;
* 2 cebolas ;
* 200 g de presunto ou de toucinho entremeado ;
* 1 kg de tomate ;
* 50 g de banha ;
* 3 dentes de alho ;
* sal ;
* pimenta ;
* salsa ;
* 1 dl de vinho tinto ;
* 2 colheres de sopa de vinagre ;
* 1 folha de louro

Confecção:

Quando de mata o coelho deve recolher-se o sangue para uma tigela, onde previamente se deitou o vinagre. Mexe-se e reserva-se.
Corta-se o coelho aos pedaços, as cebolas e o tomate ás rodelas finas e o presunto ás fatias. Picam-se os dentes de alho.
Num tacho de barro dispõem-se camadas alternadas de cebola, de coelho, de tomate e de presunto, sendo a primeira camada de cebolas. Tempera-se cada camada de coelho com o alho picado, sal e pimenta. Espalha-se por cima a banha, a salsa e o louro. Tapa-se o recipiente e leva-se a cozer em lume brando. Na altura de servira adiciona-se o sangue a que se juntou o vinho. Leva-se ao lume para uma fervura rápida e serve-se com batatas cozidas.

FONTE: Roteiro Gastronómico

Deixe o seu comentário