Castas Tintas

Casta Tinta Ramisco
Casta Tinta Ramisco A casta tinta Ramisco é característica da zona de Colares. O seu cultivo é muito peculiar e trabalhoso, uma vez que esta casta é plantada em “chão de areia” e sem porta-enxertos (“pé-franco”). Vinhas novas As vinhas situam-se muito próximas do mar e numa zona próxima de grandes cidades, por isso a pressão urbanística, a falta de mão-de-obra e a fraca rentabilidade do cultivo quase extinguiram esta…
Castas Tintas – Moreto
Casta Tinta – Moreto A casta Moreto é característica da zona do Alentejo, sendo bastante cultivada nas zonas de Reguengos, Redondo e Granja-Amareleja. Pensa-se que a moreto terá sido introduzida na região, por volta do século XIX, quando se assistiu a um grande desenvolvimento da vitivultura no Alentejo. A moreto apresenta cachos de tamanho pequeno e bagos de tamanho médio e arredondados. É uma casta bastante produtiva e de maturação tardia.…
Castas Tintas – Jaen
É uma casta vigorosa, de maturação precoce, com pouca acidez natural, apresentando deficiências na extracção de cor. A madeira valoriza os vinhos monovarietais de Jaen ! Distribuição da casta em Portugal e Espanha (designa-se Mencia) Por ser extraordinariamente produtiva, obriga a mondas apertadas na vinha, sob pena de oferecer vinhos aguados e acídulos, de baixo grau alcoólico. É particularmente sensível ao míldio e à podridão. Consagra vinhos perfumados, veementes nas…
Castas Tintas – Espadeiro
Casta tinta de qualidade, recomendada em grande parte da Região Demarcada, com excepção da Sub-Região de Monção e concelhos (6) mais a sul da Região; muito produtiva e rústica; dá origem a vinhos de cor rubi clara a rubi, de aroma e sabor a casta e acídulos. Fenologia Abrolhamento: Tardio, cerca de 10 dias após a ‘Castelão’. Floração: Época média, 6 dias após a ‘Castelão’. Pintor: Tardio, 10 dias após…
Castas Tintas – Castelão
Casta tinta autóctone, é cultivada em diversas regiões do país devido à sua versatilidade, com especial incidência nas áreas das IGP Lisboa, Tejo, Península de Setúbal e Alentejano. Variando com o clima e solos, os vinhos obtidos possuem tons granada e um aroma intenso frutado, são geralmente macios com algum acídulo, equilibrados e persistentes, apresentando boa aptidão para envelhecimento em madeira. A Castelão é uma das castas mais cultivadas no…
Castas Tintas – Cabernet Sauvignon
Provavelmente a casta tinta mais famosa da Terra, a Cabernet Sauvignon expandiu-se de Bordéus para o mundo vínico. Diz com toda a propriedade o Engº Miguel Móteo, enólogo da Companhia do Sanguinhal, que se porventura a Humanidade instalar uma colónia na Lua e necessitar de cêpas, esta será a primeira escolha, tal é a sua enorme adaptabilidade e resistência a praticamente todas as adversidades! Vindimas em Vale Zias – Cercal…
Castas Tintas – Baga
Apesar de caprichosa, a casta Baga é responsável pelos melhores vinhos da Bairrada, revelando-se igualmente importante nas Beiras e Dão, e, embora menos determinante, em Lisboa e Tejo. A introdução da Baga na Bairrada dá-se em consequência do oídio, sendo esta casta resistente ao fungo. Casta tinta autóctone, é cultivada em todo o país devido à sua versatilidade, com especial incidência na DOC Bairrada; adaptando-se a todos os tipos de…