Vinhos

SAIBA QUAIS OS MELHORES VINHOS DE 2021 SEGUNDO A REVISTA “GRANDES ESCOLHAS”

image006

Nesta cerimónia, que decorreu no Hotel Vila Galé Ópera, em Lisboa, a revista Grandes Escolhas premiou as personalidades, empresas, organizações e projetos que mais se evidenciaram no ano passado em áreas direta ou indiretamente ligadas ao vinho e à gastronomia.

A revista Grandes Escolhas acaba de revelar os vencedores dos Prémios “Grandes Escolhas”, que distinguem os melhores dos setores do vinho e da gastronomia em Portugal em 2021, numa cerimónia que teve lugar hoje no Hotel Vila Galé Ópera, em Lisboa.

“Estamos convencidos de que 2021 foi, para todos em geral, um ano cheio de significado, pela positiva. Contrariando as incertezas e fantasmas alimentados pela pandemia, o sector do vinho mostrou extraordinária resiliência e dinamismo, superando as adversidades e voltando à senda de crescimento sustentado que caracterizou o primeiro trimestre de 2020, até o vírus nos cair em cima. O vírus aí continua, é certo, mas agora sabemos viver com ele e, sobretudo, sabemos viver apesar dele, não comprometendo a nossa forma de estar, a nossa felicidade, o nosso futuro.”, afirma Luís Lopes, diretor da revista.

O evento dos Prémios “Grandes Escolhas” é o mais conceituado e reconhecido entre os profissionais do mundo dos vinhos e da gastronomia em território nacional. Nesta edição, que contou com presença da Ministra da Agricultura, Maria do Céu Antunes, foi anunciado o TOP 30* dos melhores vinhos portugueses de 2021, que resultam de quase 5 mil notas de prova, individuais e coletivas, levadas a cabo pelo painel de provadores da revista.

A equipa da Grandes Escolhas escolheu ainda os melhores cinco vinhos do ano em cada categoria: tinto, branco, espumante, fortificado e rosé.

O Quinta da Manoella VV Douro tinto 2018 (Wine & Soul) conquistou o prémio de “Melhor Tinto” de 2021, e o Vinha dos Ultras 1os Jeirões Pico branco 2019 (Azores Wine Company) o de “Melhor Branco”. Na categoria de “Melhor Espumante”, foi eleito o Vértice Espumante Pinot Noir Douro branco 2011 (Caves Transmontanas) e, para “Melhor Fortificado”, foi escolhido o Ramos Pinto RP30 Porto Tawny 30 Anos (Adriano Ramos Pinto). Por último, o Kopke Winemaker’s Collection Tinto Cão Douro Reserva rosé 2020, produzido pela Sogevinus Fine Wines, arrecadou o prémio de “Melhor Rosé”.

A par destes galardões, a revista Grandes Escolhas premeia ainda o trabalho de empresas, instituições, produtores e profissionais deste setor e da restauração, através da atribuição dos 20 Troféus Grandes Escolhas**.

Com o intuito de promover um momento de interação entre patrocinadores produtores e profissionais do setor, o evento deste ano, que conjugou a presença de um número limitado de convidados com a transmissão via streaming, volta a promover o convívio de importantes figuras do mundo do vinho, e a prova de alguns dos vinhos galardoados.

Lista de vencedores:

*TOP 30

Os 30 melhores vinhos provados pela redação da revista Grandes Escolhas durante o ano 2021 (por ordem alfabética)

Adega Mãe Alvarinho branco 2017

Adega Mãe

Ameal Vinho Verde Reserva branco 2019

Quinta do Ameal

Anselmo Mendes Private Alvarinho Vinho Verde Monção e Melgaço branco 2018

Anselmo Mendes

Bacalhôa Moscatel de Setúbal Superior 30 Anos

Bacalhôa Vinhos de Portugal

CH By Chocapalha Touriga Nacional Regional Lisboa tinto 2018

Cas Agrícola das Mimosas

Chryseia Douro tinto 2019

Prats & Symington

Duorum O. Leucura Douro tinto 2015

Duorum Vinhos

Gloria Reynolds Regional Alentejano tinto 2011

Reynolds Wine Growers

Herdade Aldeia de Cima Regional Alentejano Garrafeira branco 2019

Herdade Aldeia de Cima

Herdade do Sobroso Élevage Alentejo branco 2019

Herdade do Sobroso

Júlio B. Bastos Alicante Bouschet Alentejo Grande Reserva tinto 2015

Júlio Bastos

Kompassus Private Collection Bairrada branco 2016

Kompassus Vinhos

Luis Pato Quinta do Ribeirinho Sercialinho Bairrada branco 2019

Luis Pato

Paço dos Cunhas Vinha do Contador “Grande Júri” Dão tinto 2013

Paço de Santar

Palácio dos Távoras Vinhas Velhas Trás-os-Montes Grande Reserva branco 2020

Costa Boal Family Estates

Pêra-Manca Alentejo – Évora tinto 2015

Fundação Eugénio de Almeida

Pintas Porto Vintage 2019

Wine & Soul

Poeira Vinha da Torre Douro tinto 2017

Jorge Nobre Moreira

Quinta da Leda Douro tinto 2018

Sogrape Vinhos

Quinta da Manoella VV Douro tinto 2018

Wine & Soul

Quinta das Bágeiras Bairrada Garrafeira tinto 2017

Quinta das Bágeiras

Quinta do Crasto Vinha Maria Teresa Douro tinto 2018

Quinta do Crasto

Quinta do Noval Nacional Porto Vintage 2019

Quinta do Noval

Quinta do Vale Meão Douro tinto 2018

  1. Olazabal & Filhos

Quinta Vale D. Maria Vinha da Francisca Douro tinto tinto 2018

Quinta Vale D. Maria

Ramos Pinto RP30 Porto Tawny 30 Anos

Adriano Ramos Pinto

Ribeiro Santo Excellence Dão Grande Escolha tinto 2016

Magnum – Carlos Lucas Vinhos

Vértice Espumante Pinot Noir Douro branco 2011

Caves Transmontanas

Villa Oliveira Touriga Nacional Dão tinto 2016

O Abrigo da Passarela

Vinha dos Ultras 1os Jeirões Pico branco 2019

Azores Wine Company

O Melhor Espumante 2021

Vértice Espumante Pinot Noir Douro branco 2011

Caves Transmontanas

O Melhor Branco 2021

Vinha dos Ultras 1os Jeirões Pico branco 2019

Azores Wine Company

O Melhor Rosé 2021

Kopke Winemaker’s Collection Tinto Cão Douro Reserva rosé 2020

Sogevinus Fine Wines

O Melhor Tinto 2021

Quinta da Manoella VV Douro tinto 2018

Wine & Soul

O Melhor Fortificado 2021

Ramos Pinto RP30 Porto Tawny 30 Anos

Adriano Ramos Pinto

**Prémios Grandes Escolhas

Criatividade, desempenho, excelência a todos os níveis são os denominadores comuns às escolhas dos jornalistas da Grandes Escolhas.

 

Produtor Revelação: Sovibor – Ao longo do ano que passou, a sua nova face ficou bem patente, através do lançamento de um conjunto de vinhos de excelente nível. É um chamariz de qualidade, diferenciação e carácter.

Produtor: Costa Boal – Destaque para a ambição e o profissionalismo deste projeto, que se desenvolve num crescendo de qualidade e reconhecimento, no Douro e em Trás-os-Montes.

Cooperativa: Adega de Penalva – Localizada no centro da região do Dão, esta adega tem passado por um processo de renovação a vários níveis, da vinha à vinificação, com vinhos arrojados e surpreendentes.

Empresa: Azores Wine Company – Em menos de uma década, esta empresa tornou-se o motor do desenvolvimento de toda uma região, colocando os vinhos dos Açores nas mesas mais exigentes.

Empresa Vinhos Generosos: Wine & Soul – Este produtor independente impôs-se no mercado do Vinho do Porto com produtos que se batem de igual para igual com os das marcas mais antigas e conceituadas.

Singularidade: Reynolds Wine Growers – Os vinhos, nascidos de uvas criadas em total respeito pela natureza, e estagiados longos anos em barricas, balseiros e garrafa, são únicos e inimitáveis, .

Enóloga: Sandra Tavares da Silva – Reconhecida internacionalmente, da sua arte e sabedoria nascem alguns dos mais aclamados vinhos do Douro e de Lisboa. Versátil e trabalhadora, decidida e perseverante, metódica e criativa, no Top30 deste ano, 3 vinhos têm a sua mão.

Enólogo Vinhos Generosos: Pedro Sá – Destaque para o trabalho que tem vindo a desenvolver no âmbito da mais pequena das regiões vitivinícolas portuguesas. A aposta já deu frutos e os vinhos de Carcavelos preparam-se para regressar ao prestígio de outrora.

Viticultura: Herdade dos Coelheiros – Desde 2015, uma autêntica revolução tem vindo a ocorrer nesta propriedade, com a biodiversidade e sustentabilidade a funcionarem como fios condutores.

 

Organização: Bagos D’Ouro – Destaque para o trabalho de solidariedade levado a cabo por esta associação, criada em 2010, e que já apoiou o percurso académico de mais de 200 crianças e jovens do Douro.

Enoturismo: Herdade do Sobroso – Trata-se de um enoturismo único, que vai muito para lá do óbvio. Localizado junto ao rio Guadiana e à serra do Mendro é autêntico exemplo de bem-receber.

Garrafeira: Garrafeira Nacional – Para além de três lojas físicas, a vertente digital, com milhares de referências, preços muito competitivos, aconselhamento personalizado, e entregas garantidas em tempo recorde.

Loja Gourmet: O Tradicional, Estoril – Este espaço à beira da praia é uma daquelas lojas com tanto de atracção como de risco, às quais se vai com uma compra particular na cabeça e de lá se sai com um saco pleno de coisas boas.

 

Wine Bar: Capela Incomum, Porto – Situado bem no centro do Porto, é um local cheio de carácter, num espaço surpreendente e invulgar, com uma lista de vinhos de mais de 90 referências, a maior parte servidas a copo.

Restaurante: Essencial, Lisboa – Inaugurado em julho de 2019, este espaço rapidamente se tornou um fenómeno para todos os amantes de gastronomia. A ementa inspira-se na cozinha francesa, mas assente em produtos locais.

Restaurante Cozinha Tradicional: Cisco Cozinha Tradicional, Almeirim – Distinguido pela elevada consistência qualitativa, pelo respeito à cozinha regional e pela forma como acolhe os seus clientes.

Restaurante Cozinha do Mundo: Come Prima, Lisboa – Um restaurante que celebra a verdadeira cozinha italiana, com um respeito absoluto pela tradição.

Sommelier: Marc Pinto – O seu talento e conhecimento, que complementa com uma contínua vontade de aprender, levou-o a liderar a construção da garrafeira e serviço de vinhos do Fifty Seconds, em Lisboa, com o sucesso que se conhece.

Premio Gastronomia David Lopes Ramos: Diogo Rocha – Nascido no Dão, percorreu um caminho notável até chegar onde está hoje, de volta à região de origem e com uma estrela Michelin conquistada e mantida desde 2019. Mas a sua mestria não está só nos fogões. Quatro livros publicados são reflexo da vocação de explorador e divulgador do melhor que a mesa portuguesa tem.

Senhor do Vinho: Jorge Dias – Poucas pessoas conhecerão tão bem o Douro, sua geografia, história, cultura e potencial vitivinícola quanto Jorge Dias. E poucas terão, como ele, contribuído em tantas e tão distintas áreas para o desenvolvimento e reconhecimento desta região e do seu mais singular produto, o Vinho do Porto.

Deixe o seu comentário