Vinhos

A Jeropiga Inês Negra, para uma harmonização perfeita com as típicas castanhas assadas

Jeropiga Inês Negra

O outono está aí e, com ele, o fruto mais esperado do ano. A Adega de Monção sugere um dos seus ex-líbris: a Jeropiga Inês Negra, para uma harmonização perfeita com as típicas castanhas assadas.

O mês de novembro traz as cores mais quentes do outono, o frio e uma vontade incontrolável de degustar este fruto. Tal como diz o ditado “no dia de São Martinho, comem-se castanhas e bebe-se vinho”, e, por essa razão, a Adega de Monção faz uma sugestão imperdível para esta época do ano: a Jeropiga Inês Negra.

Depois de almoço, a meio da tarde ou até para finalizar um jantar, este vinho licoroso é a opção perfeita para acompanhar as tão esperadas castanhas assadas. A Jeropiga Inês Negra representa todos aqueles que, durante anos a fio, nas zonas mais rurais, celebraram este dia à volta de uma fogueira, a partilhar histórias e este fruto tão especial. 

“A Adega de Monção é um local de tradições e também de família. O Outono traz memórias que ficam marcadas e que gostamos que estejam presentes nos nossos vinhos. Esta Jeropiga é um bom exemplo disso. ”, afirma Armando Fontainhas, Presidente da Adega de Monção.

Doce de sabor, a Jeropiga Inês Negra está disponível na loja online da Adega de Monção. O PVP é de 18 euros.

 

Deixe o seu comentário