A Nossa Escolha Os melhores Provas de Vinhos Rankings Vinhos

10 Vinhos para a ceia de Natal 2019

10 Vinhos para ceia de natal

O Clube de Vinhos Portugueses, vem partilhar aqui uma simples e singela lista de 10 vinhos para a ceia de Natal 2019. Consulte aqui e faça a sua escolha!

Embora, nesta lista caberiam provavelmente uma centena ou muito mais opções, pois estamos convencidos que somos uns privilegiados, pois em Portugal tem sido consolidada a ideia que internamente partilhamos, o difícil é haver mau vinho.

Amostras 2018 Provas Cegas

No nosso ranking habitualmente além do padrão que temos estipulado e construído pelo Jorge Cipriano em conjunto com a colaboração de outros especialistas, somamos outros contributos, nomeadamente procuramos obter inputs não menos importante de consumidores de vinho, os quais basicamente avaliam na opinião pessoal numa prova cega, sobre uma pontuação já organizada para o efeito e simplificada sobre aspecto, sabor, paladar e final de boca.

O resultado, acaba por depois ser tratado posteriormente e resultar na nota de prova final.

A lista que hoje partilhamos foi inspirada com base nas avaliações realizadas nos dois últimos anos e não foi fácil, mas o final de uma década exigia o esforço, e aqui fica a lista organizada por ordem alfabética, tipo de vinho, nome e região, a saber;

Vinho rosé Cabrita Rosé 2018 – Algarve , este vinho apresenta-se elegante, no nariz predominam os frutos vermelhos, nomeadamente morangos, já na boca a entrada é doce e com acidez presente, terminando com fruta fresca. Uma boa surpresa recebida do Algarve.

Vinho tinto CARMIM Primitivo 2017 – Alentejo, em breve será publicada a nota, deste blend resultado de vinhas velhas que se apresenta com 16.º o que nem parece, tal é a sua estrutura. 

Vinho branco Dourum Branco 2018 – Douro, destacou-se no lote de amostras em prova cega, cremos que quando for publicada nota de prova, vão perceber.

Vinho branco de talha Herdade do Rocim Amphora DOC 2017 – Alentejo, é uma extraordinária experiência desfrutar de um modo de fazer vinho com 2000 anos.

Vinho do Porto Martha’s Tawny 2005 – Porto é simplesmente uma delicia, segundo apontamentos mais frequentemente partilhados por provadores, dos mais aos menos experientes.

Vinho tinto Quinta da Lapa Merlot – Tejo, um monovarietal que se recomenda.

Vinho Rosé Tarika 2018 (Orgânico) – Beira Interior, um vinho biológico rosé, aroma médio, ligeira fruta no nariz, na boca com ligeiros taninos, redondo, doce, frescos e com destaque especial para a cor salmão, muito apelativo.

Vinho tinto Sanguinhal touriga nacional 2015 – Lisboa, um vinho com cor ruby muito escuro, um vinho profundo, aroma marcado por notas de estágio em madeira, fruta, muito redondo com taninos polidos, um vinho suave.

Vinho verde Soalheiro Primeiras Vinhas 2016 – Região dos Verdes, apresenta-se por um vinho frutado, intenso de boca, muito típico da região no nariz, um vinho honesto e com carácter.

Vinho tinto Tangente 2016 – Alentejo foi também um vinho que se destacou num painel de consumidores e provadores de vinho no Clube de Vinhos Portugueses, um vinho com excelente cor, intenso no nariz, resinoso, especiarias, já na boca muita fruta, morangos, algum verde e nuances de madeira, taninos polidos.

Aqui ficam, 10 sugestões para um jantar de família, amizade, amor, numa época onde surgem na mesa iguarias, que além do momento, exigem um acompanhamento à altura, e qualquer um destes vinhos podem ser uma boa opção, ou até, e porque não a totalidade desta lista, com moderação e com gente à mesa suficiente para desfrutar deste lote de vinhos.

Deixe o seu comentário