Açores Eventos Regiões

PicoWines estará presente na Christmas Wine Experience

Terrantez do Pico 2018

Pelo segundo ano consecutivo, a Cooperativa Vitivinícola da Ilha do Pico – PicoWines – irá marcar presença no evento “Christmas Wine Experience” com os vinhos Arinto dos Açores 2017 e Terrantez do Pico 2018, de 30 de Novembro a 1 de Dezembro, no The Yeatman, no Porto.

 

O evento contará com a prova dos vinhos Arinto dos Açores 2017 e Terrantez do Pico 2018, que serão apresentados pelos responsáveis do projeto e com o objectivo de dar a conhecer melhor a história da marca e das suas colheitas.

 

Os vinhos Arinto dos Açores 2017 e Terrantez do Pico 2018 estarão em palco como boas sugestões para presentes de  Natal e a companhia perfeita à mesa com a família e amigos.

 

“Esta é uma oportunidade para dar a conhecer ao público do grande Porto os vinhos da Cooperativa Vitivinícola da Ilha do Pico – PicoWines, numa iniciativa que pretende valorizar e dar a provar as novas sensações vínicas do Pico”, afirma Losménio Goulart, Presidente do Conselho de Administração da CVIP – Pico Wines.

 

Informações Gerais

Data: 30 de Novembro e 1 de Dezembro

Local: Hotel The Yeatman – Rua do Choupelo, 4400-088 Vila Nova de Gaia

 

Sobre a Cooperativa Vitivinícola da Ilha do Pico (CVIP)

 

A Cooperativa Vitivinícola da Ilha do Pico (CVIP) nasce em 1949. pela mão de 21 fundadores.

Após um período de preparação e organização, seguido de construção da sede, a Adega Cooperativa inicia a sua produção em 1961 com as castas nobres, Verdelho, Arinto e Terrantez do Pico. O primeiro vinho da CVIP, com o nome “Pico”, é lançado no mercado em 1965.

Surgiram alguns obstáculos à produção de vinhos do Pico, e num contexto de querer recuperar um passado que já fora de esplendor e glória surge a cooperativa do Pico na Madalena e, em 1972 tornou-se obvio que teria de se produzir vinho também a partir de uvas tintas e de castas americanas, por questões de rentabilidade, surgem assim novos vinhos que marcam também a história do Pico.

A entrada do enólogo Bernardo Cabral, em 2017, marca uma nova etapa na vida destes vinhos, pois são introduzidos os primeiros monocastas assumindo o terroir vulcânico dos vinhos do Pico.

Atualmente, a Cooperativa do Pico é liderada por Losménio Goulart que se tem preocupado em fomentar o processo de produção do vinho, tornando-o cada vez mais uma referência de muita qualidade.

Deixe o seu comentário