Outros Sabores Turismo Vinhos Wines

Sabores de Portugal – Francesinhas

Clique na imagem para aceder à receita

Esta receita nasceu na cidade nos anos sessenta numa inovação do croque-monsieur que um emigrante tantas vezes fizera em França, onde trabalhava.

francesinha76240cb1
A sua criação tem raízes populares e muitas histórias rodam à volta deste petisco famoso.

Com frequência e reunindo algum consenso, atribui-se a sua criação a Daniel David Silva, minhoto de Terras do Bouro, que após estar emigrado, traz as influências do croque-monsieur, confeccionando-o por volta de 1953 na Regaleira, restaurante da rua do Bonjardim no Porto, que ainda hoje serve a iguaria, publicitando-se como local de origem da mesma.

O nome Francesinha, reza a história, deve-se ao facto de Daniel David Silva afirmar que “A mulher mais picante que conheço é a francesa”.

A partir daqui muitas histórias se contam, inclusive que um empregado da Regaleira, saiu com o segredo do molho, em 1963, para o Restaurante Mucaba, em Vila Nova de Gaia, começando a expansão da criação gastronómica de Silva.

511194400

A sua forma abundante na quantidade e na diversidade dos artigos que a acompanham, adubada com um molho de marisco picante, veio de facto ao encontro das gentes do Porto que gostam de comidas com sabores carregados e de bom sustento.

dds
É, pois, um prato jovem, de convívio, grande na porção, quente no palato, inventivo na receita.


Receita

Francesinhas

Prato típico da Cidade do Porto

Clique na imagem para aceder à receita

Francesinha – PDF

Vinhos Recomendados

logo-ac-lourinha-2


Deixe o seu comentário